.mais sobre mim

.Ultimos Luares

. Escolher um caminho....

. encontro

. caminhos cruzados.....

. Simplesmente adeus...

. Renascer das Cinzas . . .

.Luares Passados

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Maio 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Fevereiro 2005

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

.Luares Passados

Sábado, 2 de Abril de 2005

Cinzento e cor-de-rosa

Varias foram as vezes que proclamei a minha volta e caminhos de curvas apertadas enfrentei. Promessas não quero fazer mas deixar de escrever não pretendo. Muito do meu sangue, suor e lágrimas deixei nos textos que por aqui derramei mas encontrei outros caminhos. Caminhos que não são os meus mas que de perto vejo sem que nunca os consiga sentir na pele com o fervor de quem me os relata com voz descontraída.
O que de mais cinzento eu tenho na minha vida é o que de mais cor-de-rosa existe na vida dessas pessoas. Não sinto por isso necessidade alguma dentro de mim de fazer queixumes por não ter os braços de quem amo em volta de mim todos os dias quando acordo, ou outras coisas que tais.
Quero . . . pretendo e irei tentar dar-vos a conhecer o trabalho de muitos rostos e nomes tapados que todos os dias tentam levantar da marginalidade aqueles que por fracas forças, por ruas estreitas e tremendamente acidentadas entraram. . . aqueles que regam o pedacinho de esperança que existe mesmo no coração mais magoado e mais fechado.

publicado por Mulher Especial às 00:52

link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De Miss-Devil a 21 de Abril de 2005 às 21:43
oi!
inda bem k ñ deixaste de escrever.
jinhos


De Estrela do mar a 8 de Abril de 2005 às 00:22
...minha querida...quem bom esta tua atitude...mas ás vezes há necessidade de escrevermos o que sentimos...e ninguém tem que criticar...porque quem o faz...não tem sentimentos...gostei do teu regresso luarzinho...

Um beijinho* grande.


De Suse a 2 de Abril de 2005 às 01:05
Finalmente um post!... Costuma dizer-se que na vida nada se aprende sem sacrifícios e dor. Por muito que nos custe isso é bem verdade.
Não vejas o cinzento da tua vida como se fosse rosa na vida dos outros. Quem sabe se não há por aí alguém disposto a partilhar o seu rosa contigo? E aí verás que esse cinzento que dizes ser a tua vida era apenas um véu que cobria os teus olhos e que não te deixava ver.
Beijocas com amizade


Comentar post