.mais sobre mim

.Ultimos Luares

. Escolher um caminho....

. encontro

. caminhos cruzados.....

. Simplesmente adeus...

. Renascer das Cinzas . . .

.Luares Passados

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Maio 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Fevereiro 2005

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

.Luares Passados

Terça-feira, 2 de Março de 2004

A vida por um fio . . .



Vagueio por ruas que conheço e que desconheço o nome. Olho em volta e sinto-me só, todos caminham para um lugar preciso, todos caminham com alguém.... para alguém e eu.....eu caminho só para lugar nenhum. Caminho em busca do fim, de um qualquer fim, do fim da estrada, do fim da vida, do fim da dor.... Um corpo pesado e disforme pendurado na vida por um fio, uma linha fina e preta como o pensamento que o preenche. Atravessava os rochedos que são o caminho da minha vida mas ouvi o mar chamar-me e parei. Sentei-me e senti o calor da Lua cheia....deitei-me num rochedo enorme e fechei os olhos mas.........o telemóvel tocou era alguém preocupado... preocupado com o que penso mas naquele momento deixei cair o telemóvel no vazio do silêncio não queria vozes, censura, não queria pedidos, queria apenas cair. Queria cair, dar um passo em frente e cair no vazio do mar, da vida..... quero.... Quero dar um passo em frente, cair no mar imenso, ser engolida com fúria sem dó nem piedade. Olho em volta em busca de algo que em prenda mas tudo anda e movimenta-se sem que eu mexa um dedo, se partir, se voar sobre o mar para sempre nada mudará. Nada faz sentido, não existe nada, não existe ninguém para segurar essa linha fina e preta que me segura. Tenho medo, medo de não conseguir dar o passo em frente e não cair. Tenho medo de ter de enfrentar os olhares reprovadores. Quero partir... apenas partir.... dar o passo em frente e deixar-me voar sobre o mar.

publicado por Mulher Especial às 13:09

link do post | comentar | favorito
|

4 comentários:
De serranopedro2004 a 9 de Março de 2004 às 17:04
Gostei do que li, embora seja um artigo um pouco mórbido, acho que nada nos deve levar a pensar no fim, muito menos algo relacionado com uma coisa tão bela, que é sinónimo de vida e não de morte, que é o amor. Beijo.


De Angeliser a 7 de Março de 2004 às 00:35
Nesta noite posso dizer que a vida tá por 1 fim. Perder alguem que me viu nascer, que tive cmg durante 24 anos custa a acreditar que isto aconteceu.

És foste sempre e serás o meu 2º Pai


De Daemoon a 2 de Março de 2004 às 13:36
Parabens pelo blog tá mto fixe. este Artigo espero que seja o 1º de mts mto sucesso pro blog


De MWoman a 2 de Março de 2004 às 13:15
Bom, finalmente os comentários estão a funcionar...bom, há sempre uma saída, uma esperança, antes ter olhares reprovadores que não ter nenhuns...dá um passo em frente mas no sentido de resolveres algo...de uma forma positiva...Beijos


Comentar post