.mais sobre mim

.Ultimos Luares

. Escolher um caminho....

. encontro

. caminhos cruzados.....

. Simplesmente adeus...

. Renascer das Cinzas . . .

.Luares Passados

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Maio 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Maio 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Fevereiro 2005

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

.Luares Passados

Quinta-feira, 5 de Agosto de 2004

Pequenos nadas

2Best2003-10.jpg


São estes os pedaços de que são feitos a minha vida. Pequenas gotas de água...lágrimas de tempos passados? Talvez, não recordo mais o passado que vivi apenas recordo o momento que que em mim me tornei. . . Apenas recordo o cantos e recantos por onde as minhas palavras deixei, pedaços de papel de tempo...perdidos no vazio, escritos com a brisa. Pequenos nadas é o que se costuma dizer que a vida é feita. Pequenos nadas de perfeição imperfeita. Pequenos nadas como estas pequenas flores presas nas gotas do orvalho da noite.


publicado por Mulher Especial às 02:40

link do post | comentar | favorito
|

32 comentários:
De Paulo a 10 de Agosto de 2004 às 22:54
Concordo plenamente contigo... os nadas são mesmo tudo... e são os pequenos grandes pormenores que fazem a diferença..em tudo... especialmente nas emoções.... Continua... Beijo**


De Luar_Triste a 10 de Agosto de 2004 às 13:28
pipetobacco . . .o aroma de café quente neste dia que amanheceu chuvoso . . . quase um quadro . . . um momento divino . . . um nada que é tudo . . . Beijinhos


De Luar_Triste a 10 de Agosto de 2004 às 13:25
Paulo . . . obrigada pela visita e pelos elogios . . .já escrevi muito mais doq ue escrevo hoje . . . o tempo é pouco a agitação é muita . . . A vida são nadas que de nada tem . . . são tudo numa vida . . . Os nadas na verdade são TUDO . . . Beijinhos


De Luar_triste a 10 de Agosto de 2004 às 13:23
Morgana . . . as lágrimas nada são . . . foi nelas que apreendi a sorrir . . . foi nas lágrimas que aprendi a ser Feliz como sou hoje . . . como serei amanha . . .e depois . . . e depois . . .As dores que já vivi . . . o sofrimento que já tive não considero nadas . . . como seria preferível crescer e aprender sem a dor sentir . . . sem facas sentir . . . sem lágrimas derramar . . . mas sinto-me feliz . . . e como já escrevi num texto . . . Agradeço a quem me fez sofrer porque sorrisos me fez nascer . . . Beijinhos Enormes


De Luar_Triste a 10 de Agosto de 2004 às 13:18
Gaia . . . sei que não esquecerei o passado . . . mas tanbém sei que no dia, no momento em que por qualquer razão em esqueça do que já vivi terei-te perto de mim p/ me recordares, para me relembrares e me ajudares como sempre fizes-te, como sempre tives-te. . . .apreendizagem que nucna termina, que sempre continua em pequenos nadas vividos . . . O presente apeans existe porque um passado vive, mas este é o momento dos nadas de agora semq ue nunca se esqueça os nadas de ontem sempre com a certesa que o amanha vai ser construido de pequenos nadas . . . .Beijinhos Enormes


De Luar_Triste a 10 de Agosto de 2004 às 13:13
Luana . . .Obrigada pelo link és uma querida eu tanbém vou colcoar o teu link . . .Beijinhos enormes


De pipetobacco a 9 de Agosto de 2004 às 22:01
[ … venho deixar de boa fé o aroma de cachimbo e o sabor do café: http://pipetobacco.blogs.sapo.pt … ]


De Paulo a 9 de Agosto de 2004 às 18:27
Na vida.. tudo é construção.. construção de ti mesma... mesmo as lágrimas como diz a Morgana.. Tudo é importante para te fazer crescer. Parabés pelo blog. É muito bonito e o que escreves tem muito profundidade. Beijo


De Morgana a 9 de Agosto de 2004 às 13:25
"em cada gesto perdido, tu és igual a mim...em cada ferida que sara escondida do mundo eu sou igual a ti...em cada grito da alma eu sou igual a ti, de cada vez que um olhar te alucina, te prende tu és igual a mim...". Nunca é em vão...não são nadas...*fica bem


De Morgana a 9 de Agosto de 2004 às 13:20
Como te entendo...o texto está muito bonito e a imagem também...continua, mas sem pensar que as tais lágrimas foram nada...tudo é importante, farto-me de dizer isto, tudo pelo que tu passas leva a uma construção de ti mesma...pensa nisso***


Comentar post